quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Balanço dos trinta

O prefeito Alexandre Arraes concederá duas entrevistas nesta sexta-feira. Ambas para fazer o tradicional balanço de trinta dias. Poderia ser apenas uma entrevista, mas a valorização do período sempre pesa.
O socialista volta de Brasília e já deve ter boas novas para informar. A cidade está em obras mas a OTL e a FLANAC não estão permitindo somas no IBOPE. Isto só ocorrerá com a conclusão da melhoria na rede de água e no esgotamento sanitário.
Alexandre já pode exibir como fruto de sua atuação política a estrada do aeroporto e a de Rancharia, quase prontas. Mas, provavelmente, se prenderá a outras conquistas também. Ao programa Terra Produtiva, por exemplo, que ara terra e distribui semente e maniva gratuitamente. A data poderá representar o começo da ofensiva de comunicação da nova gestão.
O prefeito falará na Arari FM/Iveraldo Nascimento e Grande Serra/Genival Sousa.

Entre uma e outra a segunda de FHC era a escolha

A foto acima circula entre os jornalistas políticos de Brasília. Ninguém tem coragem de publicar. Nós, como somos um blog independente, brindamos os leitores com o flagrante que não quer calar. Mas achamos que deve ser uma montagem maldosa e maliciosa contra o nosso ilibado ex-presidente.

O tamanho do incômodo: Lula conseguirá implodir a aliança em torno de Dilma para sair ele próprio candidato?

 O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva resgatou, em conversas com interlocutores, antigo projeto de ter o governador Eduardo Campos (PSB-PE) como eventual vice de Dilma Rousseff na disputa presidencial de 2014. Como o PMDB ocupa hoje a vaga, a ideia seria o PT abrir mão de disputar o governo de São Paulo para apoiar o peemedebista Gabriel Chalita, candidato à prefeitura da capital paulista em 2012.

A troca ainda não foi discutida com Michel Temer (PMDB-SP), atual
vice-presidente da República, e deve encontrar resistências tanto no
PMDB quanto no PT. A proposta de Lula começa a circular justamente quando a candidatura de Eduardo Campos à Presidência da República vem sendo especulada com mais força. Chalita é cotado para o Ministério  da Ciência e Tecnologia, e ainda não se sabe o quanto de sua esperada nomeação depende da sondagem deflagrada por Lula. (Da Folha de S.Paulo – Natuza Nery)

Rolo do axé: O contratão e o contratinho de Ivete

 Contrato de 650 mil no Ceará ficou por apenas 4 mil em Tamandaré
O presidente da Ordem dos Músicos do Brasil em Pernambuco, José Estevam de Santana, encaminhou ao promotor Maviael de Souza Silva, do Ministério Público de Pernambuco, a nota contratual de show da cantora baiana Ivete Sangalo, realizado no Tamandaré Fest, cujo cachê foi de apenas R$ 4 mil.
Santana prestou depoimento no Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Defesa do Patrimônio Público e Social e mostrou-se surpreso com o fato de Ivete ter realizado show no Ceará, no mesmo período, pela bagatela de R$ 650 mil.
Indagado pelo promotor Maviael de Souza Melo, Santana informou que existe uma grande disparidade entre os cachês de artistas famosos quando o contratante são órgãos públicos, com viés de alta, em comparação com a iniciativa privada que sempre revelam viés de baixa.
A Ordem dos Músicos de Pernambuco também encaminhou notas contratuais que recebeu de show da cantora Cláudia Leite – contratado pela iniciativa privada - que recebeu um cachê, ela e a banda que acompanha, no valor de R$ 2.600,00.
José Estavam acredita que esses dados “no mínimo são indicativos de sonegação fiscal.” Com relação aos altos cachês pagos pelos órgãos públicos, o presidente da Ordem dos Músicos de Pernambuco solicitou ao Ministério Público que investigue a possibilidade de crime de “lavagem de dinheiro”.
Encaminhou documentação de show realizado este mês, por ocasião da festa de São Sebastião, no município de Bonito, onde foram repassados pela EMPETUR recursos da ordem R$ 504 mil para show com a mesma Cláudia Leite e as bandas Garota Safada e Cheiro de Amor, além de outra atrações locais.

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Laboratório Faz Tudo 24 Horas

Araripina está prestes a ganhar um laboratório quase completo, que dos exames conhecidos só não faz DNA e o que identifica níveis de radiação.
Uma parceria entre o Hospital Santa Maria e o médico Ryan Lacerda está possibilitando a abertura deste laboratório que atenderá preferencialmente pelo SUS, mas também por planos de saúde e particular. Dr. Ryan, do seu jeito descontraído, definiu da seguinte forma o laboratório: "É de primeira e é povão". Funcionará 24 Horas por dia, na esquina do HMSM. Bom para os pacientes e também para os médicos da região, que passarão a contar com um estabelecimento de qualidade que custou quase 500 mil Reais para oferecer resultados seguros.

HEMODIÁLISE
A Clínica de Hemodiálise conquistada pelo HMSM junto ao governo do Estado já foi licitada e deverá ficar pronta em seis meses. Com ela, Araripina definitivamente se transformará em Pólo Regional de medicina. Beneficiada por fazer fronteira com os estados do Piauí e Ceará, em pouco tempo Araripina estará consolidando parcerias PEPI e PECE, através das quais os pacientes da tríplice fronteira serão atendidos da melhor forma e com maior segurança e rapidez. Forçosamente a Hemodiálise trará a hemodinâmica e uma UTI. E, com isto, muitos profissionais qualificados. Os técnicos do Estado que enxergam sem ranço político vêm em Araripina um trunfo para Pernambuco. O SUS é nacional e a tendência é que as pessoas procurem o centro médico mais perto, independente da bandeira estadual. Afinal de contas, quem paga tudo é o contribuinte e quem repassa é o SUS. O cartão SUS de cada indivíduo está sendo retardado mas em menos de seis anos será realidade. Com ele na mão, cada pessoa escolherá o médico de sua preferência na cidade mais próxima e no hospital que melhor assistir. O HMSM começou a enxergar assim.  A irmã Fátima, pelo visto, é tão visíonária quanto D. Campelo, que construiu o hospital dentro do mato já prevendo que Araripina logo chegaria a 100 mil habitantes e seria Pólo Regional.
O Meu Araripe bate mas também assopra. É assim que a coisa anda.

Aumento sem cadeia nacional


A Petrobras comunica o reajuste nas refinarias de 6,6% para a gasolina e de 5,4% para o diesel, a vigorar a partir da meia noite do dia 30 de janeiro de 2013. A noticia está no Portal da empresa. Dilma, claro, não vai chamar cadeia nacional.

Quem gasta mais do que aquilo que ganha...

Num ano em que a economia pisou no freio, as despesas do governo subiram em ritmo mais forte do que as receitas. Dados divulgados nesta terça-feira pelo Ministério da Fazenda mostram que os gastos públicos atingiram R$ 804,7 bilhões em 2012, alta de 11% sobre 2011. Os benefícios assistenciais foram os desembolsos que mais cresceram: 17%, seguidos por gastos de custeio, com alta de 16,3%. Nessa conta entram despesas com a máquina administrativa, Bolsa Família, desonerações tributárias, entre outras. Já as receitas somaram R$ 880,8 bilhões, alta de 7,7%.

O aumento dos gastos públicos, combinado com crescimento menor das receitas, obrigou a equipe econômica a fazer um malabarismo fiscal para fechar as contas em 2012. O governo não apenas antecipou dividendos de estatais e recursos do Fundo Soberano, como remanejou despesas do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para cumprir a meta de superávit.

Os técnicos transferiram projetos para dentro do programa de forma que eles se tornassem investimentos passíveis de abatimento. Assim, o resultado primário do governo central (Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central) encerrou 2012 em R$ 88,5 bilhões, ou 2,01% do Produto Interno Bruto (PIB). Os R$ 8,5 bilhões restantes para atingir a meta cheia de R$ 97 bilhões, ou 2,15% do PIB, foram descontados por serem classificados como investimentos prioritários.(O Globo)

Novo momento Pernambuco

fernando bezerra coelho - foto-divulgação
Dirigentes da Novartis, uma das maiores fábricas de vacinas do mundo, anunciaram hoje (28) no Enotel de Porto de Galinhas que a empresa irá construir em Pernambuco a primeira fábrica de biotecnologia do Brasil. A conclusão está prevista para o final de 2014.
Presente à solenidade, o governador Eduardo Campos declarou que com esta fábrica a Novartis dá um grande passo para consolidação de uma parceria com o poder público na área de biotecnologia.
Segundo ele, a nova fábrica ajudará a posicionar o nosso país “nesse novo momento da indústria fármacos, no qual avanços estão sendo desenvolvidos com grandes centros de pesquisa daqui e de fora”.
Durante a reunião, o governador reuniu-se com a direção da Novartis, do BNDES, além do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho.

Há 15 anos no mercado, a filial da Novartis será construída em Jaboatão dos Guararapes e deverá empregar 120 funcionários.
O custo do empreendimento está estimado em US$ 500 milhões (cerca de R$ 1 bilhão). Em sua primeira fase, a fábrica irá produzir a vacina contra a meningite B.

(De Inaldo Sampaio)

De apagão em apagão e depois do reajuste nos combustíveis...


Receita petista: Reduzir saber para dominar mais fácil

Quem narra é Inaldo Sampaio:

"Em 10 anos de governos petistas no Recife, só em 2004 foi aplicado 25% da receita em educação

O Recife aparece em 25º lugar no Ideb (índice de desenvolvimento do ensino básico) das capitais e isso parece não ser de graça.

2- A cidade foi governada por prefeitos petistas nos últimos 12 anos e apenas em 2004 aplicou mais de 25% de sua receita de impostos na educação.

3- A Constituição Federal determina que a aplicação desse percentual mínimo é obrigatório e que se o prefeito não cumprir deve ter suas contas reprovadas pelo órgão competente: o TCE.

4- Durante os 8 anos de gestão do prefeito João Paulo, somente em 2004 a PCR aplicou mais de 25% da receita na educação.

5- Em 2001 aplicou 23,26%, em 2002 (24,76%), em 2003 (22,61%) e em 2004 (25,28%).

6- Em 2005 aplicou 20,13%), em 2006 (22,28%), em 2007 (23,50%) e em 2008 (15,43%).

7- O prefeito seguinte foi João da Costa, que também deixou de cumprir o mandamento constitucional.

8- Ele aplicou na educação em 2009 (20,67%) e em 2010 (22,72%),

9- Ainda não se sabe quanto aplicou em 2011 e em 2012 porque as contas desse período ainda não foram apreciadas pelo TCE.

10- As contas de 2009 foram apreciadas ontem pela Segunda Câmara do TCE, por parecer prévio pela rejeição.

Para quem gosta


Ontem o Canal Bis apresentou um grande show de Sting em Berlim. Ele e uma verdadeira sinfônica mostrando como se faz música.
Se você é assinante e domina os recursos para 'resgatar', e também se aprendeu a gostar da música do britânico na década de 80, vale a pena. O vídeo acima é só demonstração. O show é de outra grandeza.

E o dito show...

Compare os vídeos e veja o que fez o tempo na cabeleira do cara. A arte, que interessa, só melhorou.
Como todos, também gostamos muito de forró, sobretudo o de Luis Gonzaga.
Gosto é legal porque é como aquilo: Cada um tem o seu. O segundo vídeo é muito longo e só esquenta do meio para o fim.

Poder que pode: Alexandre foi à Brasília e deve trazer boas novas


A presidente Dilma está desesperada com o arco de apoios que se forma em torno do governador Eduardo Campos e corre contra o tempo para segurar a prefeitada. No início desta semana chamou todos a Brasília e prometeu mais de 60 Bilhões de Reais em recursos. Só não disse que a maioria vai para São Paulo e municípios grandes administrados pelo PT. Nem disse que são recursos do PAC, já carimbados. Quando isto for dito, o IBOPE já terá encostado a popularidade da mulher na casa dos 100% - mesmo que fictícios.
Alexandre Arraes (PSB), prefeito de Araripina, atendeu ao convite da presidente e se mandou para a capital federal. Por lá não perdeu tempo e manteve reuniões com Fernando Bezerra (que antes mandau o filho deputado costurar as bases justamente em Araripina, onde prometeu obras da CODEVASF em troca de apoio político da oposição local). O prefeito também se reuniu com Gonzaga Patriota e se reuniria com o setor de aviação civil do governo federal, para tratar do aeroporto de nossa terra.
Resta agardar para ouvir as boas novas. Pois o poder que realmente pode é o de Brasília, que sufoca o ano inteiro e depois oferece um gole d'água. Resta torcer para que Alexandre consiga trazer ao menos uma quartinha, já que um copo não resolve quase nada.
A esperança maior, contudo, reside em Eduardo Campos. Nele Araripina pode apostar mais alto.

Liga os caixas do BB, Pereira!

O Banco do Brasil de Araripina já está ligando o ar condicionado para a clientela depois que os funcionaários encerram o expediente. Cobramos isso aqui e o gerente atendeu de pronto. Antes, ar fresco só em horário de funcionamento. Depois das três a suadeira descia pela perna.
Agora o problema é outro. Os caixas eletrônicos não estão dando conta. Ou são poucos e ultrapassados ou são mal geridos. Ou as duas coisas juntas. Comparando a velocidade com os da capital, é humilhação.
O fato é que muitos correntistas e usuários chegam na agência e ficam de cara para cima esperando alguém resolver o problema, enquanto a fila se agiganta, causando perda de tempo e aumentando o risco. Hoje o drama se repetiu.
É bem provável que a Diretoria regional só esteja exigindo cumprimento de metas e dando tapinhas nas costas pelos belos resultados financeiros da agência local. Talvez nem remunere por fora o gerente e os funcionários que consequem expressivos resultados, que rendem troféus.
O problema é que o cliente não come troféu nem faz depósito ou paga conta nos troféus que são conquistados ano após ano pela agência de Araripina - graças ao empenho desgastante dos funcionários.

Todos sabem que pedir mais funcionários em reunião de diretoria pode resultar em transferência de gerente para a "Caixa Prego do Norte". Mas é bom abrir o olho, pois a clientela uma hora cansa e muda de banco.

De tanto ouvir a estagiária gritar de fora para dentro da agência, já descobri o nome do 'sacrificado' que cuida dos ultrapassados caixas. O nome dele é Pereira. Coitado...
Liga os caixas, Pereira!

Apagões na capital do gesso

'Apaguinhos' seguidos é coisa muito pior do que um apagão programado, daqueles que o governo anunciava previamente no passado. Àquela época, o PT apelidou José Jorge de 'minstro do apagão', apenas porque o governo tratou com seriedade a pouca oferta de energia e programou os desligamentos de forma a causar menos transtornos.
Agora, com o PT no poder, a coisa é diferente: Muitos apaguinhos que somados somam um tremendo apagão e um prejuízo monumental. Com um agravante: A presidente era a ministra encarregada de resolver o problema. Ou seja: Oito anos no ministério e dois na presidência. Presume-se que nem honestidade da parte da dona Dilma podemos esperar. As térmicas que regulam a oferta em caso de racionamento já estão à todo vapor e nem assim o sistema funciona bem. Investimentos? Só onde podem tirar a maior 'mesada': Jirau e Belo Monte, que ficarão prontas daqui cem anos.
Enquanto isso, a terra do gesso não consegue completar suas fornadas e os prejuízos se avolumam. No comércio que funciona informatizado, o transtorno é de pelar o dono. Nem as lavanderias escapam, pois podem manchar roupas que ficam mais tempo com sabões descolorizantes. E tem um agravante: Culpam a CELPE por tudo que é problema nas torres de transmissão da CHESF. Ou seja: A imprensa que come na mão do governo finge que critica, pois falar da CELPE corresponde a ir se queixar ao Papa por problemas religiosos que ocorrem no mussumano Afeganistão.

Chuva e rama

As chuvas caídas em Araripina chegaram perto dos 150 milímetros na semana passada. Muitos barreiros encheram, outros estão 'pela boca' e alguns estão esperando os menores encher para também cobrir o porão ou encostar no sangradouro.
Vejam que apenas 150 milímetros, quando bem concentrados em poucas horas, ajudam a normalizar o abastecimento na zona rural. As serras foram as mais beneficiadas. A chuva bem concentrada também causa danos, como o que se verificou na estrada nova de Rancharia. Alguns barreiros estouraram e danficaram a pista, onde um boeiro não foi planejado para suportar estouro de barreiro.

RAMAA angústia cresce na secretaria de agricultura a cada vez que uma chuva cai nas serras. A falta de rama de mandioca aqui e nos estados vizinhos está prejudicando o aproveitamento máximo do inverno para recuperação do plantio de mandioca. É bem provável que a rama a ser comprada seja suficiente para plantar apenas 2 mil hectares. Cuntudo, os tratores estão arando as terras prometidas.

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Não perdi a senha

Não perdi a senha nem o interesse pelo blog. Ocorre que me envolvi em tarefas muito importantes para o futuro da minha família e não sobrou tempo sequer para ler jornais. A distância de Araripina me deixou fora do 'eixo' dos acontecimentos e, sem nada rápido e importante para postar, não postei.
Tão logo encontre o último livro exigido pelo colégio, volto à normalidade.
Espero que as chuvas só tenham trazido benefícios para a querida capital do gesso, embora saiba que uma tal de OTL virou pedra no caminho.

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Aeroportos: Isaltino Buração esquece Araripina

Apelidado em todo estado de isaltino Buracão, numa alusão à sua incompetência para tapar os buracos das estradas pernambucanas, o secretário de transporte esqueceu de relacionar Araripina entre as cidades estratégicas na questão dos aeroportos regionais. Isaltino não conhece a relidade, mas é bom ficar de olho nessa lista de prioridades que ele apresenta. Ver abaixo referência feita no blog de Magno Martins:

"Os investimentos previstos pelo Governo Federal para melhorar a aviação regional devem ter repercussão direta em pelo menos nove aeroportos do Estado. Depois que a presidente Dilma Rousseff (PT) falou sobre a intenção de que haja aeroportos capazes de atender a população com voos regulares num raio de 100 quilômetros de 96% dos municípios, Pernambuco se prepara para apresentar os projetos de sete aeródromos, além do Aeroporto de Petrolina - controlado pela Infraero e que já passa por reforma.

"Fernando de Noronha, Caruaru, Serra Talhada e Salgueiro são nossa prioridade. Neste primeiro momento, até 2014, queremos focar em Noronha e Caruaru, por causa da Copa do Mundo. Queremos que esses dois aeroportos tenham condições de receber aviões maiores, incluindo voos fretados com pessoas que venham para o evento", explicou o secretário estadual de Transportes, Isaltino Nascimento, ao Diario de Pernambuco'.

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Arena Pernambuco começa a receber cadeiras




Iniciou a instalação das cadeiras da Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata, no Grande Recife, que receberá jogos da Copa das Confederações este ano e da Copa do Mundo, em 2014. Os assentos na cor vermelha começaram a ser distribuídos no lance inferior de arquibancadas nos setores sul e leste do estádio. O serviço deve ser concluído em março.

Ao todo, a Arena terá 46 mil lugares, sendo todos eles cadeiras rebatíveis e numeradas. Os assentos são feitos em um material que evita a propagação de chamas, em caso de incêndio. A Odebrecht Infraestrutura é a responsável pela obra.

De forma paralela ao assentamento das cadeiras, a Arena Pernambuco segue com a montagem das partes finais das arquibancadas superiores e da cobertura. Com a conclusão destas fases, o próximo passo será a preparação do campo para receber o gramado, etapa que deve ser iniciada em fevereiro.

Pré-candidatura de Eduardo obriga Dilma a percorrer o Nordeste

Dilma chega hoje ao NE para deter avanço de Eduardo


A presidente Dilma Rousseff desembarca nesta sexta-feira, 18, no Piauí diante da constatação do PT de que a recuperação do prestígio político da sigla no Nordeste, região sob forte influência do governador e presidenciável Eduardo Campos (PSB), é crucial para o projeto de reeleição em 2014. Até o início de março, Dilma deve visitar ao menos seis Estados da região.
A avaliação dos petistas é que o partido precisa melhorar a articulação política com governadores e prefeitos na região, principalmente após o resultado das eleições de 2012, da qual o PSB saiu fortalecido. Além disso, o Planalto precisa driblar o desgaste político gerado pela paralisação nos canteiros de obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) na região.
O giro de Dilma pelo Nordeste inclui ainda Pernambuco, Ceará, Alagoas, Paraíba e Rio Grande do Norte. A região também está na mira do ex-presidente Lula. O Nordeste tem sido tradicionalmente um reduto eleitoral do PT. Nas últimas três eleições presidenciais (2002, 2006 e 2010), deu ampla margem de vitória para os candidatos do partido - Lula e Dilma. Em 2010, a petista teve 10,7 milhões de votos a mais na região que José Serra (PSDB). (Informações de O Estado de S.Paulo - Julia Duailibi e Leonencio Nossa)

Invasões ilegais no Paque 3 Vaqueios podem ser penalizadas.

O terreno que abriga o Parque 3 Vaqueiros, a FACIAGRA e até mesmo o matadouro de Araripina pertence à união. Prefeitos que passaram pelo poder em Araripina e até vereador (com mandato) incentivaram invasões ao local. No ano passado, uma comissão formada por técnicos da Secretaria do Patrimônio (Federal) estiveram no referido terreno verificando as invasões. As anotações e imagens foram produzidas. Não demora e a 'conta' chegará para os ex-gestores e responsáveis diretos pela ilegalidade. Cada invasão pode gerar até três processos: um para quem invadiu, outro para quem permitiu ou incentivou e um terceiro para quem invadiu e depois revendeu terreno pertencente à união.
Quem fez esse relato informou ao Blog que até mesmo o exército poderá chegar com máquinas derrubando tudo de surpresa. É bom que a prefeitura comece a negociar com os moradores de casas irregulares, visando evitar a perda da cessão em regime de comodato e, por outro lado, evitando problemas sociais. O Programa 'Minha Casa Minha Vida' poderia ser usado para compensar as perdas de quem se aventurou em invasões ilgeais acreditando na palavra de gestores irresponsáveis que só pensam em tirar proveito eleitoral de tudo.
Devolver aquele enorme terreno para a União por falta de cuidado e responsabilidade é tudo que não podemos permitir que aconteça.

Cavalo de raça: Três mil por uma 'fornada' em Araripina.

O 'especialista' em equinos, Danda Simeão, que é secretário municipal de Vilas e Distritos, continua entusiasmado com o 'negógio' de cavalos em Araripina. Falava hoje que somente um garanhão do vice-prefeito Valmir Filho rendeu 30 mil Reais em dez cruzamentos. Cada cruzamento custa R$ 3 mil. Danda está incentivando a vinda de novos animais de raça para o município. Pode ser que o 'amor' fique mais barato para donos de égua que não se preocupam tanto com a raça e a origem e sanidade do animal.

NOVAS BAIAS
A prefeitura de Araripina construirá novas baias no Parque  Três Vaqueiros e as destinarão para que criadores de animais de raça façam uso dentro das normas da vigilância sanitária. Uma associação a ser presidida pelo Veterinário Gustavo Modesto ficará encarregada da gestão do equipamento. Esta associação está em processo de habilitação para receber um laboratório de análise para equinos. Há certa reação da turma que quer criar sem realizar exames e sem as devidas medidas preventivas, sobretudo vacinação. Uma outra associação deve ser criada, para trabalhar alternativamente.

'ARENA MULTI-USO'
O Parque 3 Vaqueiros está sendo visto como solução para muitos gargalos municipais. Para lá já foi a secretria de Desenvolvimento Rural, que ocupou os estúdios de emissoras de Rádio e TV e mais duas secretarias deverão ser deslocadas para o mesmo parque. A de Vilias e Distritos ocupará uma das casas e a de Esportes ocupará outra. Inclusive a sede do Araripina Futebol Clube deverá ser transferida para o local.
Até mesmo a prática de esportes está acontecendo na área calçada onde ocorrem os shows. Em plena manhã, enquanto a turma da SDR trabalha, sobretuo recebendo e contando cisternas, atletas correm para melhorar a forma física, dando voltas no local.  Em breve, poderemos ter uma 'arena' multi-uso: Cavalos e homens correndo em pistas próximas, enquanto secretários e auxiliares despacham com agricultores, lideranças comunitárias e desportistas. Em maio, junho e Setembro para tudo, para que ocorram as principais festas do nosso município: Feira de Animais, São João e Vaquejada.
Um bar sempre houve por lá, independente de ser ou não período de festa.

André de Paula deverá voltar a comanbdar a Secretaria de Agricultura

Tudo indica que o suplente de deputado André de Paula (PSD) retornará ao comando da Secretaria de Agricultura do Estado. Ele substituirá Ranilson Ramos, que deverá ser indicado e aprovado Conselheiro do Tribunal de Contas. André, apesar de não ser sertanejo, tem muitas ligações afetivas com Araripina e com o próprio Brenno Ramos, secretário da pasta local. Brenno foi seu assessor na mesma secretaria, quando André foi secretário no governo Jarbas.
Em abril de 2014, André deverá se afastar para disputar mandato eletivo  e talvez não conte mais com a totalidade do macielismo para voltar à Câmara Federal, mas sim, com novos aliados que chegarão via socialismo.  

PT quebrou os pequenos municípios. Sete de Pernambuco não receberam parcela do FPM.

Sete cidades de Pernambuco não receberam no último dia 10 a primeira quota do Fundo de Participação dos Municípios. Foram elas Surubim, Maraial, Jaboatão, Itaquitinga, Ipojuca, Belém do São Francisco e Araçoiaba.
No Brasil, ao todo, segundo o presidente da Confederação Nacional dos Municípios, Paulo Ziulkoski, 387 cidades estão na mesma situação.
Das sete de Pernambuco, apenas duas não sentiram o abalo da retenção do PFM porque têm uma grande receita própria: Ipojuca e Jaboatão.
É assim que o PT trabalha: Quebra os municípios e estados para deixá-los sem condições de reagir politicamente, com obras e com ações, para que a figura central, seja Dilma, seja Lula ou até mesmo um mensaleiro qualquer, apareça como salvador da pátria.  E ninguém faz nada. Sequer oposição nós temos no País.

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Chuva que cai

Começa a cair, na sede de Araripina, uma chuva moderada. Vem das bandas do Ceará, onde está bastante escuro e aparentemente já chove a mais tempo nas serras da Rodagem, Ipa e até Serra do Morais (aparentemente). O 'cachorro ainda não urinou no poste' e estranhamente ainda não faltou energia, como de costume.
Aqui é assim: Quando chove falta energia ou telefone, quando não falta tudo a um só tempo.

BOM PARA A RAMA
A chuva que cai nas serras vem somar novos milímetros a outras que caíram no início da semana, garantindo melhora nas ramas de mandioca a serem colhidas para plantio da safra 2013/2014. Também ajuda a caatinga a brotar, salvando assim o pouco que restou de rebanho.

Rio Capibaribe será novamente navegável.



Eduardo Campos e Geraldo Júlio darão início ao serviço de dragagem do rio no trecho urbano da capital e transporte fluvial será alternativa para alunos e trabalhadores evitarem o stresse das ruas congestionadas.

 


No trecho entre Casa Forte e Derby, às margens do Capibaribe, encontram-se as melhores escolas da capital pernambucana e são justamente elas que mais congestionam o trânsito nos arredores. Cada pai quer levar seus filhos carro próprio, congestionando tudo. Isso poderá mudar.

Nesta quinta-feira, o Governo de Pernambuco dá início ao processo de dragagem do Rio Capibaribe. Trata-se de mais um passo do Programa Rios da Gente, que vai transformar um dos principais cartões postais da cidade um corredor de transporte, antigo sonho dos pernambucanos.

Com a presença de Geraldo Julio, o início da obra será marcado por uma solenidade realizada com a presença do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, às 15h, às margens do Parque Santana, em Casa Forte, local onde será instalada uma das estações fluviais de embarque e desembarque de passageiros.


A dragagem, orçada em R$ 101 milhões, será realizada pelo Consórcio ETC & Brasília Guaíba, ganhador do processo licitatório de nº 009/2012, de 8 de novembro de 2012. A dragagem vai remover todas as restrições existentes à navegação, como o lixo, escombros de antigas construções e até suprimir parte da vegetação local. Serão dragados 17 quilômetros do Rio, partindo das proximidades da BR-101, passando pelos bairros de Casa Forte/Poço da Panela, Torre, Derby, área central do Recife e Tacaruna (divisa entre Recife e Olinda) – locais onde passarão as embarcações e serão construídas as estações de passageiros.

O processo de dragagem levará 18 meses. A previsão é de que a navegabilidade do Rio Capibaribe tenha início já em 2014. Para isso, as licitações para a construção das estações serão iniciadas em fevereiro

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Deu 'bode' e candidatura de Henrique pode afundar em denúncias.

Contratada com dinheiro federal para construir casas, praças, barragens, instalações sanitárias e pavimentar ruas, a Bonacci Engenharia tem seu endereço numa casa simples num bairro de classe média baixa em Natal.

No local, não há nenhuma identificação de que ali deve funcionar a empreiteira que assinou contratos que somam pelo menos R$ 6 milhões com 20 prefeituras do Rio Grande do Norte, nos últimos cinco anos, por meio de convênios do governo federal.

Um bode branco, apelidado de "Galeguinho" pelos vizinhos, 'guarda' a entrada do terreno baldio que cerca a casa de poucos cômodos. Ali é a sede da empresa de Aluizio Dutra de Almeida, ex-assessor de confiança do gabinete do líder do PMDB na Câmara, Henrique Eduardo Alves (RN), responsável pelo destino de parte do dinheiro recebido pela Bonacci. (Folha Poder)

Um lugar para um novo matadouro

O prefeito Alexandre Arraes, ainda na interinidade, começou a estudar o problema do matadouro público de Araripina. O lugar 'ideal' apontado por diversas pessoas é estratégico. Fica na Ponta da Serra, próximo aos distritos de Lagoa do Barro, Gergelim, Nascente e também de Morais e Rancharia. Um pouco mais diatante da sede, o que é natual. Matadouro precisa mesmo ficar longe dos arruamentos. O problema está na obra em si. Basta chegar em algum lugar para em torno se formar uma vila. É preciso que agora o poder público atue para evitar a formação de qualquer vila no entorno, que logo em seguida venha a se transformar em problema. Para a Ponta da Serra existe estrada asfaltada. Também o lugar fica mais perto dos animais vivos que vêm dos distritos. Poço ideal já existe nas proximidades.
Faltam duas coisas: a palavra final do prefeito e o mais improtante, que é o dinheiro.

Barragem Subterrâne: Tecnologia simples ajudando a conviver com a estiagem

caatinga Famílias agricultoras das comunidades de Riacho Queimada I, Riacho Queimada II e Dourado no município de Parnamirim-PE, podem contar agora com mais uma tecnologia de convivência com o Semiárido.  Construídas recentemente, as 10 barragens subterrâneas estão prontas para armazenarem água da chuva e garantirem a produção agrícola dessas famílias nos períodos de estiagem.
caatinga1 Para a agricultora Maria do Socorro Neto, uma das beneficiadas com a barragem subterrânea, essa tecnologia vai somar na hora da produção. “Com essa tecnologia a gente vai aumentar nossa produção e com isso gerar renda também. Graças a essas tecnologias que nós não estamos vivenciando uma seca como as que já vivi, pois temos as cisternas e também abastecimento de água com carro-pipa, com isso diminuiu bastante o sofrimento. A seca está afetando mais os animais”, destaca.
A tecnologia inovadora no município foi construída pela Ong Caatinga e Centro Sabiá com patrocínio da Petrobras através do Programa Petrobras Ambiental. A iniciativa faz parte das ações do Projeto Riachos do Velho Chico que tem como meta revitalizar os riachos Queimada e Frazão, localizados respectivamente, nos municípios de Parnamirim e Triunfo em Pernambuco.
“As famílias agricultoras dessas comunidades tiveram a oportunidade de serem beneficiarias com uma das tecnologias mais eficientes na captação e armazenamento de água para as condições de semiaridez. Afinal, está é uma tecnologia que dá condições para a família produzir alimentos para manutenção da família e dos animais em épocas em que a água é muito escassa”, enfatiza o técnico responsável pelo Projeto, Ariagildo Vieira.
BARRAGEM SUBTERRÂNEA
caatinga2 Adotada pelo Caatinga há mais de 23 anos, a barragem subterrânea é uma tecnologia de armazenamento de água construída em áreas de córregos de riachos e rios. A escavação é feita de forma transversal com profundidade mínima de dois metros e máxima de seis. A tecnologia permite o armazenamento da água no subsolo, evitando assim o processo de evapotranspiração.
(Elka Macêdo – Assessoria da ONG Caatinga)

Fim da calmaria

Grupo islamista sequestra 41 reféns ocidentais na Argélia

Ataque seria uma resposta à Argélia por sua solidariedade com a França no conflito no Mali. 150 empregados locais da empresa francesa CIS Catering estão sendo mantidos em centro de extração de gás
O Globo
O braço da al-Qaeda no Norte da África sequestrou 41 estrangeiros em um ataque que seria uma resposta à Argélia por sua solidariedade com a França no conflito com os radicais islâmicos do Mali.
O ataque durante a madrugada desta quarta-feira a um centro de extração de gás em In Amenas, perto da fronteira com a Líbia, deixou ainda dois mortos - um britânico e um francês - e seis feridos. Entre os reféns do grupo terrorista estão sete americanos, 13 noruegueses, cinco japoneses que trabalham para a empresa de engenharia japonesa JCG Corp, ao menos um francês e um irlandês.

Soldados malineses visitam o presidente Dioncounda Traore na base de Bamako Foto: Reuters 

Os sequestradores fugiram com os estrangeiros, provavelmente em direção ao Mali. A petroleira BP-Statoil, uma das que exploram o edifício, informou que alguns homens armados ainda seguem no local.
De acordo com a agência France Press, 150 empregados locais da empresa francesa CIS Catering estão sendo mantidos nas instalações. A agência argelina APS, no entanto, informou que eles já tinham sido liberados em pequenos grupos.
Leia mais em Grupo islamista sequestra 41 reféns ocidentais na Argélia

Juventude corrompida. Por ser do Plano Piloto, podemos deduzir quem pariu.

JANTAR É FAKE. DINHEIRO VIRÁ DE OUTROS LUGARES, CLARO, MAS TERÁ SAÍDO DO SEU BOLSO 'CONTRIBUINTE'.

Juventude do PT vai arrecadar fundos e pagar multa de mensaleiros

Evento, que acontece nesta quinta-feira, em Brasília, tem convites a R$ 1 mil
O Globo
Com o objetivo de arrecadar recursos para pagar as multas de dirigentes petistas condenados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no julgamento do mensalão, o PT organiza nesta quinta-feira um jantar, em Brasília, cujo preço dos convites variam de R$ 100 a R$ 1 mil.
O jantar será realizado em uma galeteria e foi organizado pela Juventude do PT do Plano Piloto, no Distrito Federal. Dos 170 convites, 100 já foram vendidos. O mais barato custa R$ 100, mas os responsáveis pelo evento afirmaram que cada participante pode escolher se pagará R$ 100, R$ 200, R$ 500 ou R$ 1 mil.
Será o primeiro evento do PT para arrecadar recursos aos dirigentes petistas. O montante arrecadado será entregue para o tesoureiro do PT nacional, João Vaccari. O grupo petista pediu o depósito de recursos mesmo para quem não quiser participar do jantar.
Dirigente do PT zonal e um dos organizadores do jantar, Pedro Henrichs, de 27 anos, disse que novos eventos de arrecadação devem ser realizados em todo o país.

'Paz e amor' de Lagoa do Barro não convence

O clima de 'paz e amor' entre as bancadas de situação e oposição na câmara de vereadores de Araripina leva o desatento a acreditar que Evilásio Matheus e Francisco Edvaldo são aliados e pedem votos juntos no distrito de Lagoa do Barro. Puro engano. É só o começo de uma nova jornada legislativa. Evilásio é experiente no ramo e sabe que endurecer sem motivos logo na primeira oportunidade que o microfone se abre corresponde a atirar no próprio pé ou na água. Assim, 'complacente' deverá se comportar até o final do ano, quando imagina que a 'gordura' de esperança depositada em Alexandre Arraes já tenha diminuído um pouco. O prazo corresponde exatamente ao período em que Raimundo Pimentel estará com o time em campo outra vez.

OU NÃO...
A fase paz e amor entre os líderes de oposição e situação poderá perdurar. Mas, neste caso, os dois estariam do mesmo lado, numa possível mas pouco provável aliança entre o prefeito Alexandre Arraes e o deputado Raimundo Pimentel. Quem olhar com atenção vai perceber que as 'águias' da política estão tentando provocar uma divisão na base de Alexandre, justamente para ver se começa a aparecer espaço para novas caras ou para as próprias caras do grupo, que de tão grande não pode ser contemplado na sua totalidade.
Gente mais afoita e que não consegue compreneder o jogo nem as dificuldades de governar em tempos de crise começa a se impacientar e até 'morrer' pela boca. Faz parte do velho jogo.
Evilásio Matheus tem alma oposicionista e não se imagina fazendo parte do atual governo. Se elegeu bem na oposição e tende a colher ainda mais frutos na velha trincheira. Quando atua nos bastidores, é por instinto natural.
De qualquer modo, é público e notório que alguma aliança entre Raimundo Pimentel e Alexandre Arraes implicaria em alianças de parte do grupo que venceu 2012 com parte que ficaria na oposição. Resta saber se alguém quer fazer essa troca tão cedo ouem algum momento. O RX do blog até enxerga nomes. Citá-los, contudo, corresponde a antecipar 2014.

Ad(e)vogados ou rigor para impedir concorrência?

Exame da ordem reprova 83,4% dos inscritos
Apenas 16 de cada 100 candidatos inscritos no exame da OAB no final de 2012 conseguiram passar para a segunda fase, o que mostra o desprestígio da grande maioria das Faculdades de Direito do Recife.
Dos 118 mil inscritos, apenas 19.134 foram aprovados na primeira fase do exame. Para obter a aprovação o candidato tinha que acertar pelo menos 50% da prova que era composta por 80 questões.
A segunda fase do exame está marcada para o dia 24 de fevereiro. O exame da Ordem é pré-requisito para a inscrição nos quadros da OAB, como advogado, e também para prestar concurso público.
Em Pernambuco, até 2012, funcionavam aproximadamente 40 Faculdades de Direito e uma das metas do ex-presidente da OAB, Henrique Mariano, foi lutar pela melhoria da qualidade de ensino nessas instituições.

Bom para o Brasil: Eduardo Campos imprime agenda de presidenciável até no transporte de passegeiros

Veja como Eduardo Campos está usando a prefeitura de Recife e parte da Região Metropolitana para mostrar ao Brasil que pode ser útil à milhões de brasileiros como presidente da República:
O que segue é do blog de Inaldo Sampaio

"1-   Foi lançado hoje (16) pelo governador Eduardo Campos o edital de licitação das linhas de ônibus do sistema de transporte público de passageiros da área metropolitana do Recife.
2- Para atrair o maior número de empresas, o Estado vai abrir mão de R$ 41 milhões, por ano, referente ao ICMS sobre combustíveis e compra de  veículos.
3-   E as prefeituras do Recife e Olinda, idem, em relação ao ISS (Imposto sobre Serviços).
4-   Durante a solenidade, O governador afirmou que a formalização dos novos contratos vai melhorar a qualidade do serviço que é oferecido à população.
5- “O que temos hoje é uma relação de permissão com 385 linhas. Mas não temos mecanismos (judiciais) para cobrar das empresas melhores serviços”, acrescentou.
6-   Ele disse também que os futuros operadores das linhas terão que cumprir metas para continuarem atuando nesse segmento.
7-   E acrescentou que os tributos desonerados darão condições às empresas de manterem baixo o preço da passagem, sem prejuízo da qualidade do serviço.
8-   “Esses recursos que o Estado está deixando de recolher deverão ser aplicados na melhoria do serviço”, afirmou o governador.
9-   Ele disse ainda que a nova frota terá uma idade média de 3,5 anos, para ônibus comuns, câmbio automático e ar-condicionado.
10 – E para complementar o esforço feito pelo Governo do Estado para a melhoria da qualidade do serviço, as prefeituras do Recife e Olinda vão renunciar a cerca de R$ 11 milhões, por ano, referentes ao ISS".


Juros 'menores' para habitação.

Redução dos juros da Caixa ainda não foi seguida por outros bancos

O Globo
Em mais uma tentativa de empurrar a economia, o governo decidiu dar mais um estímulo à construção civil. A Caixa Econômica Federal reduziu os juros para financiamentos de imóveis acima de R$ 500 mil. Segundo fontes da equipe econômica, a medida visa a estimular investimentos e gerar empregos.
Com a redução, a classe média ganha uma linha de crédito mais compatível com os valores dos imóveis vislumbrados pelo segmento, avaliam especialistas.
Desde terça-feira, os empréstimos feitos a clientes que não têm relacionamento com a Caixa terão juros de 9,4% ao ano. Antes, essa taxa era de 9,9% ao ano. Já para pessoas que recebem salário pelo banco pagarão juros de 8,4% ao ano em vez dos 8,9% cobrados até anteontem.
Leia mais em Redução dos juros anunciada pela Caixa, até agora, não foi seguida pelos outros bancos



Mico: Com nosso dinheiro da CAIXA, Corinthians paga 40 milhões para ficar com Pato.

O novo 'campeão do mundo', usando dinheiro de patrocínio da Caixa Econômica Federal, está investindo R$ 40 milhões para ter o futebol de Pato. É uma jogada de alto risco, considerando que o 'bicho' é antipático e anda manco. Andei ouvindo na Fox que Pato não jogou 30% das partidas nos últimos anos. Na verdade, só se manteve no clube italiano por ser namorado da filha do dono. O outro poblema grande é para a Caixa. Num País apaixonado por futebol como o Brasil, destinar tudo que dispõe em patrocínio para um time de torcida tão chata e intolerante é uma jogada muito arriscada.
Vai que torcedores também apaixonados de times de massa como Santa Cruz, Flamengo e Inter, por exemplo, decidem boicotar?
Ninguém assume publicamente, mas o Flamengo levou antipatia para os postos de combustíveis com Bandeira BR.
Contudo, o que se espera mesmo é que cada torcedor decida dar preferência pelas empresas que apoiam seus times do coração, mas também para as empresas que apoiam o futebol de concorrentes. Só assim poderemos sair dessa pindaíba e alcançar outro estágio com o fim da Copa, quando belos estádios terão dois caminhos a scolher: Ficar lotados e rentáveis ou transformar-se em elefantes brancos.
Contudo, é justo que a Caixa assuma o patrocínio de mais um ou dois clubes de menor porte, mas de imporância relevante para o futebol nacional, e que o Banco do Brasil faça o mesmo. Desta foma, teríamos seis grandes times com patrocínio garantido para poder planejar bem o futuro. Outros bancos, como Bradesco e Itaú seram arrastados para o futebol.

Eduardo Campos quer 'salvar' 2013 com 3,5 bilhões

Para 'ganhar' 2013, o governador de Pernambuco decidiu cortar despesas de custeio e aumentar de 3,1 Bilhões programados para R$ 3,5 Bilhões os gastos com obras em todas as regiões do Estado. O corte nas chamadas despesas ruins foi de R$ 400 milhões, mesmo volume que decidiu investir em realizações. Muito provavelmente, esta é uma forma de mostrar ao Brasil que algo diferente do que faz o PT é possível. Se Pernambuco é pobre e faz isso, por quê não o Brasil, que é 'rico'?
Eduardo Campos é cuidadodo com a imagem. Não faltará investidor fazendo elogios a sua atitude e não faltará jornalista estabelecendo parâmatros entre ele e Dona Dilma, aquela que se arrasta junto com as obras do PAC.

Contador de Cachoeira, que sabe tudo, decide se entregar. Parte dos políticos parou de dormir.


CARLOS BRICKMANN
Congresso, Assembleias e Câmaras em recesso, ministros de Estado em férias - e há até quem note que não estão trabalhando (ainda bem: sai mais barato). Os condenados estão soltos, alguns subindo na vida, assumindo seus carguinhos bem remunerados. Mês morno, este janeiro. Há tanta falta de notícia que estão até descobrindo que Henrique Alves e Renan Calheiros, futuros comandantes do Congresso Nacional, dificilmente poderiam ser candidatos à canonização.

Mas as coisas podem mudar de uma hora para outra: o homem que sabe tudo, Geovani Pereira da Silva, foragido há quase um ano, condenado a 13 anos de cadeia, contador do bicheiro Carlinhos Cachoeira, de repente resolveu se entregar. Geovani tinha sido o único a escapar da prisão na Operação Monte Carlo e, de lá para cá, ninguém foi capaz de encontrá-lo. Mas quem sabe os sentimentos que se escondem no coração humano? Segundo seu advogado, ele decidiu se entregar 'porque ninguém consegue viver escondido'. Preferiu viver preso. Então, tá.

Mas imaginemos que ele tenha chegado a um acordo para contar o que sabe. Será um terremoto: o relacionamento legal ou ilegal de Carlinhos Cachoeira passa pela gigantesca empreiteira Delta e seu dono Fernando Cavendish (companheiro do governador fluminense Sérgio Cabral naquela grotesca Noite dos Guardanapos e dos Sapatos Vermelhos, em Paris), pelo governador goiano Marconi Perillo, por tudo o que se possa imaginar, envolvendo partidos diversos e dinheiro à vontade.

Haverá quem tenha saudades dos dias mornos de até agora.

Geovani Pereira da Silva disse que passou todo esse tempo foragido
'porque tinha medo'. Quem sabe o que se imagina que ele saiba
certamente terá medo.

E medo mesmo devem ter aqueles que gostariam que Geovani continuasse sumido.

Nordestino também na OAB nacional?

Candidato à Presidência Nacional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), o piauiense Marcus Vinícius Furtado Coêlho conseguiu reunir o apoio de todos os nove presidentes das seccionais nordestinas da ordem, região que representa junto ao Conselho Federal.
Ao todo, a OAB possui 27 seccionais, das quais 22 presidentes já declararam publicamente apoio ao nome de Marcus Vinícius. A eleição que irá decidir quem irá ocupar o cargo de presidente da ordem acontece no próximo dia 31 de janeiro.

Desenvolvimento Rural no Parque 3 Vaqueiros

A Secretaria de Desenvolvimento Rural de Araripina foi transferida para o Parque 3 Vaqueiros. O secretário Brenno Ramos e equipe já despacham no espaço antes destinado à imprensa, no referido parque de eventos. O Terreno pertence à união e está à disposição do município em regime de comodato. A parte ocupada pela SDR foi construída pela prefeitura.  Com isto, o espaço que antes era dividido pela SDR e Secretaria de Meio Ambiente ficou apenas para a segunda, que voltou a ser comandada por Cristina Arraes.

Festa ou Enfrentamento à Seca?

O prefeito de Ouricuri, César de Preto (PMDB), não esperou pelo resultado do 'plebiscito' e foi logo informando que dá para fazer as duas coisas. Contou com a boa vontade de outro padroeiro. São Pedro estendeu a mão a São Sebastião e mandou as primeiras gotinhas de chuva para o Sertão.  Ouricuri, deste modo, é o primeiro município da região a 'avisar' que a seca não acaba com a festa.
Veja a programação na postagem abaixo.

A Festa de Ouricuri

Conheça a programação oficial da festa de Ouricuri, apresentada em coletiva de imprensa pelo prefeito César de Preto:
coletiva prefeito Cezar Ouricuri 2
A Festa de Janeiro 2013 acontecerá entre os dias 22 e 27, no pátio de eventos da cidade, e contará com uma grande estrutura para receber os visitantes de diversas partes do Brasil.

Programação
Dia 22 (terça-feira) – Banda Solos * Mano Walter * Aviões do Forró * Saia Rodada
Dia 23 (quarta-feira) – Tácyo Carvalho * Meu Xodó de Pernambuco * Léo Magalhães * Forró Pegado
Dia 24 (quinta-feira) – Vital Barbosa * Baião Mais Eu * Calypso e Mastruz com Leite
Dia 25 (sexta-feira) – Forró Swing Bom * Fran e Felix * Toca do Vale * Elba Ramalho
Dia 26 (sábado) – Sotaque Nordestino * Gil Baianinho * Araketu * Cheiro de Menina
Dia 27 (domingo) – Trio Elétrico Cygnus e Garota Safada.

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

A eterna guerra entre médicos e planos de saúde

Assembleia de radiologistas promete jogar duro contra os planos de saúde
A Comissão Estadual de Honorários Médicos de Pernambuco (CEHM-PE) realiza nesta quinta-feira (17) assembleia dos médicos que trabalham com métodos intervencionistas e diagnósticos por imagem, os radiologistas. Os profissionais estão insatisfeitos com o tratamento recebido pelas operadoras dos planos e seguros de saúde.



A estratégia de enfrentamento às empresas de PLanos deve ser definida no encontro da categoria, que começa às 19h30, no auditório da Associação Médica de Pernambuco (AMPE), bairro da Boa Vista, no Recife.

Os profissionais  reivindicam que, a partir de 1º de março deve ser implementada a Classificação Brasileira Hierarquizada de Procedimentos Médicos (CBHPM 4ªEdição), sendo o porte acrescido em 20% para ultrassonografia, mamografia, medicina nuclear, procedimentos invasivos e raio-X; e 10% para os demais procedimentos da imaginologia, bem como o UCO – Unidade de Custo Operacional – não deverá sofrer qualquer deflator.

Além disso, enfatizam que na ausência de reajuste anual a ser realizado pela CBHPM, os valores deverão ser reajustados anualmente de acordo com o mesmo índice autorizado pela ANS para majoração das operadoras de saúde.

O presidente da CEHM, Mario Fernando, assinalou que somente através da luta, unidade e mobilização dos radiologistas é possível conquistar a implantação da Classificação Brasileira Hierarquizada de Procedimentos Médicos (CBHPM).

"A CBHPM serve de referência para os valores pagos. Além disso, os colegas não devem assinar nenhum contrato sem o aval da Comissão. Os acordos firmados são celebrados em nome de todos os médicos pernambucanos", frisou.

Plano Territorial das Redes Produtivas no Araripe

A Secretaria Estadual de Agricultura e Reforma Agrária irá realizar quatro reuniões na região do Araripe para apresentar os diagnósticos dos Planos Territoriais das Redes Produtivas. As reuniões começam dia 22 de Janeiro e vão até dia 25. Além de Araripina as reuniões serão realizadas em Ouricuri, Trindade e Bodocó.
O objetivo destas reuniões é apresentar um diagnóstico realizado em reuniões anteriores com as associações produtivas de cada cidade  e suas cadeias produtivas. Em Araripina, por exemplo, a reunião abordará a rede produtiva da mandiocultura no dia 23 de Janeiro no Centro Tecnológico do Araripe a partir das 8h.
Nas outras cidades também serão mostrados os pontos fortes e fracos de cada rede produtiva como a da caprinovinocultura de corte em Ouricuri dia 22, bovinocultura do leite em Bodocó dia 24 e por fim dia 25 na cidade de Trindade abordando a cadeia de apicultura e meliponicultura. Todas as reuniões terão início às 8h.
O Secretario Municipal de Desenvolvimento Rural de Araripina, Brenno Ramos destacou a importância destas reuniões promovidas pelo Governo do Estado, especialmente em Araripina. “O município já promoveu duas reuniões com os presidentes de associações e agora será o momento de apresentar tanto os pontos positivos quanto aqueles que precisam melhorar com a parceria entre Governo do Estado, Prefeitura e Associações”, destacou.
As reuniões são promovidas pelo Governo do Estado em parceria com o Banco Mundial, ITEP, ProRural, Secretaria de Planejamento e Gestão e da Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária.

Chuva moderada em Araripina

No final da tarde desta terça-feira Araripina recebeu um presente inesperado. Uma chuva moderada surpreendeu a cidade de forma positiva e também negativa. Apesar de não ter provocado enxurradas, a chuva expôs a buraqueira escondida nas valas mal reaterradas pela Flamac, colocando motociclistas em risco.
Amanhã será possível informar o volume de chuvas na sede, nos sítios e distritos. Notícias não oficiais apontam que o volume maior caiu nas serras mais próximas ao Ceará. Bom para quem arriscou dinheiro e tempo nas primeiras chuvas plantando mandioca e também para acelerar o desenvolvimento de alguns pequenos madiocais que ainda poderão ser aproveitados para coleta de maniva para distribuição neste inverno.

Governo tenta atenuar impacto do reajuste da gasolina


Da Agência Estado

A gasolina vai ficar mais cara nos postos pela primeira vez em quase dez anos. O governo federal deve reajustar em 7% o preço do combustível. O óleo diesel também vai subir, mas em nível um pouco menor - entre 4% e 5%. A expectativa é a de que o anúncio seja feito na semana que vem. O reajuste será sentido de imediato pelo consumidor, mas para amenizar, no futuro, esse impacto e evitar uma piora nos índices de inflação do ano, a equipe econômica estuda medidas que poderão ser adotadas nos próximos meses.

Uma delas é o aumento da mistura de álcool anidro (etanol) na gasolina. O governo deve anunciar a elevação do teto da mistura, dos atuais 20% para 25%, com o reajuste dos combustíveis. Mas o aumento só será efetivado quando a colheita de cana-de-açúcar estiver no auge, o que deve ocorrer em junho.

Demanda antiga dos usineiros, o aumento da mistura pode, no futuro, representar um desconto no preço da gasolina. Além disso a medida alivia a necessidade de importação de gasolina,que tem contribuído para o déficit da balança comercial no início deste ano.

A decisão de conceder o reajuste já está tomada no Ministério da Fazenda e recebeu o aval do Palácio do Planalto. Mas o ministro da Fazenda, Guido Mantega, que também é o presidente do Conselho de Administração da Petrobras, só vai bater o martelo sobre o aumento e a fórmula que será adotada para amenizar esse repasse ao consumidor quando voltar das férias, na semana que vem. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

R$ 600 milhões para a Petrobrás
- O aumento dos combustíveis proporcionará à Petrobras, com base nos volumes vendidos em dezembro, um aporte de R$ 600 milhões no caixa a partir deste mês, de acordo com os cálculos feitos para o Estado pelo Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIA).

As fracas chuvas e risco de mais apagões


Veja comparação do nível dos reservatórios no Basil. O período é o primeiro e o segundo domingo de janeiro de 2014, quando ocorreram pancadas de chuva em algumas regões.

*Rervatórios do Sudeste/Centro-Oeste domingo dia 13 com domingo dia 6 registra-se uma subida de 1,29 ponto (de 28,54% para 29,83%). Nestes reservatórios estão 70% da capacidade de armazenagem do país.

*No Sul, a alta é mais expressiva, 8,65 pontos (de 40,39% para 49,04%).

*No Norte, a alta foi de 1,56 ponto (de 40,48% para 42,04%).

A exceção continua sendo o subsistema do Nordeste que, no período, registrou uma baixa de 1,63 ponto.

Como os gringos freiam o desenvolvimento do Brasil. É uma denúncia estarrecedora.


O antropólogo mestre e doutorando pela Universidade de Brasília, Edward M. Luz, é consultor da Human Habitat Consultoria. Ele atuou como Coordenador de 3 grupos de trabalho para a identificação e delimitação de 8 terras indígenas na amazônia. Hoje presta consultoria para municípios, estados, sindicatos ou associações ameaçadas pela demarcação de terras indígenas. Aqui ele abre um importante debate sobre a demarcação de terras indígenas, comunidades quilombolas e sociedades tradicionais. Por conhecer todo o processo de demarcação, vêm defender a tese de que se nada for feito, ONGs internacionais com claros interesses obscuros, aliados ao sistema demarcatório, irão travar o crescimento do Brasil. Vejamos o que diz em sua entrevista concedida com exclusividade à Revista Infovias. Leia aqui, na íntegra.

Os homens do trânsito


Caberá a turma da foto, ou parte dela, a responsabildade de encontrar solução para o cáos no trânsito de Araripina. O prefeito Alexandre Arraes deu nova posse a Sebastião Arraes na ATTA e firmou parceria com a Polícia Militar e CIRETRAN. Ao todo, vinte policiais estarão envolvidos na missão de melhorar o fluxo dos veículos na cidade. Sargento Alonso ao lado de Bruno do Detran e Major Perez é bom sinal. Será ele o 'Xerife'?

Saneamento não pode esperar

Como a prioridade no Brasil é Trem-Bala e Arena para a Copa, o governo federal adiou para 2014 o início do Plano Nacional de Saeamento Básico. Pelo visto, Dona Dilma gosta de gastar com remédio que só o mundo atrasado usa para combater doenças causadas por esgoto não tratado. A conta é simples: para cada 1 Real investido em saneamento, 4 são economizados em gastos com doenças. Deve haver algum esquema que suetente esse atraso.

SONHANDO COM POÇOS
Dilma também não se mostra preocupada com o drama da seca. Fosse ela uma retirante nordestino, já teria adquirido uma centena de perfuratrizes modernas para transformar o sertão numa táboa de pirulito que jorra água. Enquanto isso não acontece, a farra continua na indústia da seca e a carrada d'água vai se transfomando em artigo de luxo e porta de entreda da corrupção.
E tome popularidade encomendada ao IBOPE.

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Reciclagem 'na boca' do MPPE

Veja vídeo educativo do MPPE para que todos os pernambucanos separem o lixo
O Ministério Público de Pernambuco (MPPE), mobilizado para cumprir a Lei 12.305/2010, que determina o fim dos lixões em todo o território nacional até 2 de agosto de 2014, lançou um vídeo educativo para os pernambucanos se conscientizarem da importância de que cada um cumpra sua parte. Assista à peça acima. MPPE quer multa para quem não separar o lixo Polícia vai fiscalizar e notificar pernambucanos que cometerem crimes ambientais (Do blog de Jamildo)

Apagão: Outra 'falha humana' ou o cachorro de Dilma urinou no poste?

A maior obra social de Dilma não poupa ninguém e nem avisa quando vai atacar. Mas o cérebro do povo brasileiro foi desligado pela equipe de propaganda oficial.

Mais uma vez Araripina e parte do Sertão ficou às escuras. Começou pela manhã logo cedo e só terminou à tarde. Problema nas fábicas, problema no comércio que (quase) só vende com o computador ligado, problema para receber com o cartão de crédito, e por aí vai.
Foi mais um presente de início de ano de Dona Dilma, a mulher que tomou para si o controle do setor elétrico no Brasil há quase uma década, enganando o ex-presidente Lula com uma apresentação rudimentar (copiada de alguém?) num computador pessoal. Lula a entregou o Ministério de Minas e Energias e depois a presidência. O nível das águas nos reservatórios está tão baixo quanto no final da era FHC, que pelo menos investiu em termelétricas e foi sincero ao propor o racionamento. Dilma deixa faltar sem avisar e pronto. Teve carta branca para investir quanto, onde e quando quisesse. Só pensou em Belo Monte e Jirau, que enche o bolso de empreiteiras e políticos e por cima irrita os ecoxiitas. Também pensou em usinas atômicas. Só não pensou em usar as fontes solar e eólica, que no Brasil abundam e no Nordeste principalmente.
A mãe do apagão, entretanto, nada em popularidade. O Brasil também está de cérebro desligado.   

sábado, 12 de janeiro de 2013

Tucanos pelo cano


Sem açúcar e sem afeto.

Do Painel da Folha

Café... Aliado de Geraldo Alckmin, o presidente do PSDB paulista, Pedro Tobias, reclama de Aécio Neves, que acelerou a preparação de sua campanha presidencial. "Não se pode atropelar todo mundo. Não existe candidatura à Presidência viável sem o apoio de São Paulo". 

... com leite Marcus Pestana, presidente tucano em Minas, defende o senador. "Sabemos da importância do Estado, mas é preciso entender que a Revolução de 1932 é coisa do passado", disse o deputado, referindo-se ao conflito constitucionalista que opôs os dois Estados.

A bolsa que não resolve

Implantados há uma década, os planos de combate à miséria dos governos Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff têm registrado sucesso em dois aspectos: a ampliação dos benefícios de transferência de renda à maioria das famílias mais necessitadas, garantindo alívio imediato, e a melhoria de indicadores sociais. Eles patinam, porém, quando se trata de aumentar as oportunidades de inclusão no mercado de trabalho.Leia mais aqui.

Cachoeira tira onda em praia expondo o traseiro de mulheres e ainda ameaça quem o ameaça

AMEAÇA AOS PETISTAS: ''Vou falar o que sei''

Quero e vou falar o que eu sei, como consultor da Delta, da relação da empresa com as prefeituras e o governo estadual''

DO PORTAL GOIÁS247
Logo após retornar de sua lua-de-mel com a empresária Andressa Mendonça em um luxuoso resort na península de Maraú, na Bahia, o contraventor Carlinhos Cachoeira voltou a ameaçar contar
tudo o que sabe. Desta vez, ele disse que quer ser convocado para depor na CPI da Delta, atualmente suspensa por decisão judicial, na Assembleia Legislativa de Goiás. “Quero e vou falar o que eu sei, como consultor da Delta, da relação da empresa com as prefeituras e o governo estadual”, disse Cachoeira à jornalista Carla Borges, do jornal O Popular, de Goiânia.
A declaração de Cachoeira é entendida como uma nova ameaça ao PT e ao PMDB, especialmente em Goiás. Prefeituras importantes do Estado, a exemplo de Goiânia (a capital), Anápolis, Aparecida de Goiânia e Catalão, governadas por PT e PMDB, mantiveram contratos milionários com a empreiteira Delta, empresa da qual o bicheiro era consultor e lobista.

Outra ameaça de Dilma a Penambuco

111013 - Foto - Governo de Pernambuco
Dirigentes do Sindicato dos Bancários de Pernambuco estiveram ontem com o secretário estadual do governo, Milton Coelho, a quem solicitara apoio contra a reestruturação do Banco do Brasil aqui no Estado, o que levaria ao fechamento de cerca de 700 postos de trabalho.
O que se comenta internamente é que uma grande parte dos serviços que hoje são executados em Pernambuco seriam transferidos para Belo Horizonte.
Durante a reunião, Milton Coelho, decidiu formar uma equipe técnica para elaborar um estudo sobre os impactos da reestruturação.
O seu objetivo é levantar informações para subsidiar a contra-ofensiva do Governo do Estado.
“Queremos, inclusive, o auxílio do Sindicato para a elaboração deste estudo, pois estamos preocupados com os impactos econômicos e políticos desta reestruturação”, disse o ex-vice-prefeito do Recife que também já foi bancário.
Durante a audiência, os membros do Sindicato declararam que o Banco tentou fazer uma reestruturação parecida em Belo Horizonte, mas a mobilização do governo de Minas conseguiu impedir que isto ocorresse.

OBRA VERGONHOSA

Veja o retrato do efeito de 12 anos de administração petista na capital Pernambucana e de seus 'camaradas' em Olinda:

Dados oficiais em poder do MEC indicam que a cidade de Olinda tem a 2ª pior educação pública do Brasil e o Recife a 4ª. No “ranking” do Ideb de 2011, o Recife também apareceu num lugar bastante desconfortável: 25º lugar dentre as 27 capitais do Brasil. O prefeito Geraldo Júlio (PSB) tem apenas quatro anos para tentar tirá-la desta incômoda situação.

O PT vai acabar com a educação do povo brasileiro. Pelas contas de alguns petistas, tirando o saber do povo, cosneguirão se perpetuar no poder por mais de meio século. É possível.

Araripina: Acomodação em curso diante de um cenário de seca e de retração da economia

Até que a reforma administrativa de Araripina seja votada e a equipe de trabalho inteiramente definida, haverá aquele 'barulho baixo'  característico de quem busca espaço. A base aliada sempre faz algum tipo de pressão, mas na atual conjuntura, em que se fala em equipe de trabalho e não em 'emprego',  a coisa ganha outra conotação.

RECEITA APERTADA
Ainda não é dado oficial, mas comenta-se que a Receita de 2012 foi inferior à de 2011, e que a de 2013 será inferior a de 2012. Isto quer dizer retração, com um enorme abismo: retração de receita sem diminuição dos preços, o que significa dizer que (na economia doméstica) o povo está comprando poucos itens e pagando mais do que pagava antes por tudo que precisava.
Ocorre que prefeito é diferente de pai de família. O máximo que ocorre a um pai é ser chamado de mesquinho ou pão duro se não der tudo que os filhos pedem. Ou de velhaco, quando compra o que lhe pedem mas não paga na bodega. Mas não é este o caso de uma prefeitura. O povo não gosta de ser complacente na fila de espera e geralmente pede muito. Ocorre que prefeito que não executar o orçamento conforme determina a Lei de Responsabilidade Fiscal paga multa pesada, perde o cargo e entra na lista dos ficha-suja.

DILMA SURFANDO
Enquanto corta as verbas das prefeituras por meio de incentivos às indústrias de automóveis  e de geladeiras, e de toda linha branca (Redução do IPI que diminui o FPM), a presidente Dilma anda surfando em popularidade. O que envergonha o País é que os prefeitos não endurecem o jogo, aceitando pacificamente pagar o preço político, enquanto o PT retira ainda mais da classe média para sustentar seus programas eleitoreiros, que geram preguiça, vício e inaptidão para o trabalho, sem falar na evasão escolar que redunda em analfabetismo. Eduardo Campos levantou a bandeira dos prefeitos e governadores, mas parece que já se calou. Dizem que Dilma ameaçou cortar as verbas para projetos em Pernambuco.

AS OBRAS DE ALEXANDRE
O prefeito Alexandre Arraes vai entregar muitas obras de impacto, muitas delas através do governo do Estado. Perimetral duplicada, escolas de boa qualidade e estrada da Rancharia são alguns exemplos. É com este elenco de realizações que pretende atravessar a crise, equilibrando as finanças públicas para mais adiante iniciar uma outra etapa do seu mandato, com realizações pulverizadas.
MANDIOCA:  São Pedro não colaborou antes e parece que não quer colaborar agora com o ProgramaTerra Pronta, uma das vedetes da administração socialista em Araripina. Falta rama de mandioca no município e está quase no fim a de Alagoas, que foi usada para alimentação animal. Pelo visto, Alexandre terá que manobrar na primeira curva e transformar o programa em algo que venha salvar o ano de 2014 para os mandiocultores. Sem pressa, sem obcessão por quantidade e focando apenas em qualidade e quantidade exata de rama a ser produzida para plantio em 2014, o prefeito de Araripina pode fazer muito pelo setor sem correr risco de perdas de recursos e de energia e tempo dos agricultores.

Reforma Administrativa não ficou pronta

A convocação extraordinária da câmara para votação do Projeto de Reforma Administrativa da prefeitura não ocorreu por motivo óbvio: O projeto não ficou pronto. A informção é do prefeito, com quem este blog entrou em contato.

GRIPE
Por falar em Alexandre Arraes, ele entrou o ano com forte gripe, aquela mesma que 'atacou' um em cada três moradores da cidade nos últimos dias e está deixando o pulmão de muita gente cheio de muco.
Gripe exige repouso e pouco contato com terceiros, exatamente para evitar propagação. Mas repouso não é exatamente um direito de prefeito em começo de mandato, e o excesso de trabalho somado a exposição à poeira está prolongando os efeitos da gripe do nosso mandatário. Acetilcisteína nele!

Multa no centro e falta de espaço para estacionar.

Carros e motos que abusam da 'folga' e insistem em estacionar em lugar proibido no centro da cidade de Araripina estão sendo 'premiados' com multas. Tudo bem. É o lógico. Mas falta a campanha educativa e sobretudo uma boa 'prensa' nos comerciantes que colocam bancos e todo tipo de caixote visando impedir que veículos estacionem em lugares permitidos. Já tomaram as calçadas e agora estão tomando as ruas.

BANCO FICOU MAIS IMPORTANTE QUE GENTE
Banco do Brasil, Bradesco e Itaú, por exemplo, são mais importantes que os moradores de Araripina. Em frente e até ao lado desas agências é proibido estacionar. Como já não há espaço no centro, a inutilidade desses lugares gera transtornos: multas para quem não aceita colocar o carro na cabeça ou na 'baixa da égua' ou risco de roubos para quem se submete aos capricos dos banqueiros e estaciona longe, tendo que se deslocar com envelopes poucos discretos.

PRAÇA DO BNB
O Banco do Nordeste recebeu da prefeitura ampla e valorizada área para se implantar em Araripina. Usou apenas parte e uma outra foi destinada a praça que não existe. Cabe à prefeitura entrar em contato com o gerente do BN e transformar aquele lugar em estacionametno público para carros pequenos. É apenas uma parte da solução do problema. Uma outra parte da solução é acabar com as faixas amarelas em frente aos bancos, reservando apenas um pequeno espaço para os carros fortes.

DELEGACIA DO TRABALHO
Todo contorno do quarteirão da  Delegacia do Trabalho, inclusive o prolongamento da Rua José Santiago Bringel, tomado por feirantes, deveria ser desobstruído e destinado a estacionamento. As barracas deveriam ser organizadas de modo a conviver bem com os veículos, até mesmo como forma de ganhar clientes novos. Por baixo, só com esta medida, 60 vagas de estacionamento para pequenos veículos seriam abertas naquele quarteirão.

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Sem convocação extra

A câmara de vereadores de Araripina não deverá ser convocada extraordinariamente para votar a Reforma Administrativa proposta pelo prefeito Alexandre Arraes. A convocação não aconteceu e nem deverá acontecer. Terça-feira começa o ano legislativo. Isto quer dizer que dificilmente a 'urgência urgentíssima' será considerada. Pelo menos foi isto o que este blog colheu junto a um dos vereadores do município.

VISÕES DIFERENTES
Enquanto uma ala governista espera que o prefeito enfrente dificuldades na aprovação do projeto - forma de 'dialogar', com possível prolongamento da discussão, os vereadores de oposição pensam o contrário. Não porque queiram ser 'bonzinhos', mas porque não querem ser culpados por eventual retardo na arrancada da administração. Querem logo saber o que combaterão sem deixar brecha para serem culpados pelo engessamento.

Laranja proibido: Promotora recomenda cor da bandeira em prédios públicos

A promotora eleitoral de Araripina, Dra. Vanessa Cavalcanti, por meio de recomendação, orientou o uso das cores da bandeira de Araripina nos prédios e bens públicos e a remoção da cor laranja onde ela existir.
Leia abaixo parte da recomendação do MP Eleitoral:

"CONSIDERANDO
que constitui ato de improbidade administrativa que atenta contra os princípios da Administração Pública qualquer ação ou omissão que viole os deveres de legalidade, honestidade, imparcialidade e lealdade às instituições, nos termos do art. 11, da Lei Federal nº. 8.429/1992, cominando ao agente público ímprobo as penalidades previstas no art. 12, III, da retromencionada legislação federal; CONSIDERANDO a existência da Lei Municipal nº 2.594/2011, que versa sobre o uso das cores da bandeira do Município de Araripina nos prédios públicos; CONSIDERANDO que a cor laranja, atualmente, corresponde a cor usada na campanha política do atual Prefeito Municipal, no ano de 2012; (....)

RESOLVE RECOMENDAR: ALEXANDRE JOSÉ DE ALENCAR ARRAES, Prefeito do Município de Araripina/PE: 1- Que promova, no prazo de 90 (trinta) dias, a contar do recebimento desta, a alteração da cor laranja no slogan da Prefeitura Municipal 2- Que promova a pintura de todos os veículos e prédios de propriedade e/ou posse do Município de Araripina/PE, os quais estejam na cor laranja, pintando-os com as cores da bandeira de Araripina, em atenção à Lei Municipal nº 2.594/2011;
3- Que neste ano letivo não sejam fornecidos aos alunos das escolas municipais fardamentos com a cor laranja;
4- Que se abstenha de utilizar nas fachadas dos prédios públicos e na publicidade, obras, atos, campanhas, programas e serviços desenvolvidos pela Administração Pública Municipal, cores, nomes, símbolos ou imagens que caracterizem promoção pessoal de autoridades ou servidores públicos, ou que sejam de vinculação direta ou indireta à pessoa do Senhor Prefeito, A
LEXANDRE JOSÉ DE ALENCAR ARRAES, ou ao partido político a que o mesmo está vinculado".

quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Alexandre Arraes reúne base aliada



O prefeito de Araripina, Alexandre Arraes (PSB) reuniu os onze vereadores da base aliada na noite de ontem (08) para alinhar as primeiras ações do Poder Executivo juntamente com o Legislativo.
Na pauta o prefeito Alexandre Arraes ouviu as primeiras demandas dos vereadores e também repassou os primeiros passos da administração socialista. De acordo com Alexandre Arraes as reuniões serão frequentes, pois fazem parte da gestão participativa que será uma das características do seu governo.
“Temos uma base de vereadores que estão trabalhando em conjunto conosco para levantar as primeiras demandas e executar os passos iniciais da administração”, afirmou Alexandre Arraes. Ainda de acordo com o prefeito este modelo participativo é fundamental para ouvir os anseios populares que serão tratados como prioritários dos dois poderes.
A base aliada é composta pelos vereadores Luciano Capitão (PSB), Humberto Filho (PSB), João Dias (PSB), Francisco Edivaldo (PR), Tião Lacerda (PR), Deval (PR), Tico de Roberto (PRB), Divona (PRTB), Camila Modesto (PTdoB), Bringel Filho (PSDB) e Doval (PCdoB).
Além dos onze vereadores também estavam presentes à reunião o vice-prefeito Valmir Filho (PR), os Procuradores do município Junior Barros e Renan Rocha, além da Assessora jurídica da Prefeitura Rosa Suleyman e o Chefe de gabinete Giordany Andrade.

Dilma consegue tirar Lula de circulação

MP quer investigação de acusações de Valério a Lula
 O Ministério Público Federal vai investigar o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva com base na acusação feita pelo operador do mensalão, Marcos Valério, de que o esquema também pagou despesas pessoais do petista.
O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, decidiu remeter o caso à primeira instância, já que o ex-presidente não tem mais foro privilegiado.Isso significa que a denúncia pode ser apurada pelo Ministério Público Federal em São Paulo, em Brasília ou em Minas Gerais.
Condenado a mais de 40 anos de prisão, Valério, que até então poupava Lula, mudou a versão após o julgamento. Os documentos apresentados por ele serão o ponto chave da futura investigação que, neste caso, ficaria circunscrita ao ex-presidente. (Informações de O Estado de S.Paulo - Felipe Recondo e Alana Rizzo).

Falta rama para o "Terra Pronta"


Aconteceu o óbvio e o "Programa Terra Pronta", idealizado pela administração Alexandre Arraes, está com problema na 'raiz'. A seca prolongada atingiu o cerne da ação. Não há rama que sirva em Araripina,  nem em quantidade menos ainda em qualidade, e a rama que se esperava encontrar em Alagoas, além de não ser  a ideal, agora deixou de existir. A força da seca está encontrando alternativa mais rentável para algo que foi anunciado como  de custo quase zero. A maniva de Alagoas, região de Arapiraca, foi quase toda já colhida nas roças e servida como ração animal. Isto está obrigando a Secretaria de Desenvolvimento Rural do municipio de Araripina a dar outros 'pulos' em busca de alternativa. O horizonte apontado é Sergipe. Lá também se produz mandioca. Ao que tudo indica, estamos correndo o risco de ter que aceitar o burro sem olhar os dentes. Ou seja: o plantador de Araripina poderá ter que receber qualquer rama para salvar parte de 2013.

REPENSAR É PRECISO:
2014 PODE SER PLANEJADO COMO O ANO DA RETOMADA IDEAL.

Não há dúvidas de que 2013 já foi comprometido, faltando definir se foi perdido em se tratando de resultados do Programa Terra Pronta. As primeiras chuvas já foram aproveitadas pelos mais 'espertos', a exemplo de Lano de Santinho e João de Adernil, os grandes plantadores do momento. Estes, por conhecimento e por aptidão, prepararam as terras cedo e correram atrás da rama na hora certa, por dispensarem burocraia sem risco de punição.
O Interventor Adalberto Freitas não flexibilizou para que as terras fossem aradas na seca e as ramas adquiridas nas primeiras chuvas (finas) e Alexandre Arraes se deparou com a falta de rama, que não esperou a sua posse para ser utilizada nos mandiocais alagoanos. As primeiras chuvas que caíram em 2013 foram perdidas. As que vêm também serão perdidas. Para inverno ruim até existe jeito para quem planta mandioca, desde que a rama esteja no quintal. Não é este o caso.

RAMA BOA PARA 2014 parece ser a saída ideal para Alexandre Arraes não comprometer nossa tradição. O ideal, pelo visto, é resumir a distribuição de ramas com plantadores que se comprometam com bons tratos, correção e adubação, para que em 2014 tenhamos aqui a rama necessária e ideal ao replantio das áreas antes cultivadas.  Em vez de distribuir rama aleatoriamente, e sem controle sanitário nem critério de adaptabilidade e produtividade, a prefeitura poderia escolher as melhores ramas disponíveis aqui e fora, para preparar agora a maniva de 2014. Preparar solo e distribuir rama com quem queira se comprometer com a doação de tudo para o programa para plantio em 2014, tudo devidamente planejado, com correção de solo, se possível, e adubação para quem tiver consciência e visão de negócio. Pelo visto, ganhar 2013 é salvar 2014 com a produção de boa rama. Agir de forma diferente pode representar prejuízo aos cofres públicos, frustração de germinação, frustração de safra e por cima geração de rama ruim para 2014. Não parece razoável, mas com gestão até podemos arriscar. Contudo, com a economia popular e sobretudo com a matriz econômica de um município, arriscar não é sequer razoável.
Se na economia se conhece o resultado pelo tamanho do PIB, na manidocultura se conhece o resultado pelo tamanho da raiz. Quanto maior, melhor.


RECORDAR É VIVER
Em 11 de novembro de 2012 publicamos 'reportagem' repercutindo a decisão de Alexandre Arraes, então prefeito eleito, de levar adiante o programa Terra Pronta.

O que segue é parte do que levantamos naquela data:

MANDIOCA
Antenado com o problema e disposto a reerguer a atividade da mandiocultura em Araripina, o prefeito eleito Alexandre Arraes está com uma ação gigantesca engatilhada: "Terra Pronta" é o nome do programa que vai distribuir 8 metros cúbicos de maniva e 1,5 hectare de terra arada para cada pequeno plantador do tubérculo. Na região não há mandioca suficiente nem com boa maniva. Esta virá de fora. Ou seja: o que antes era dado e/ou desperdiçado, agora será comprado em lugar distante, provavelmente Alagoas, onde 'abunda' (?) a variedade sergipana, já testada e adaptada em nossa chapada (?).
Pelo ritmo das buscas por cadastramento, Alexandre vai precisar de estimáveis 24 mil  metros cúbicos de maniva. Isto corresponde a  aproximadamente 270 carradas de 90 metros cúbicos cada. Com esta iniciativa, o prefeito eleito poderá soerguer o setor que mais emprega, gera e distribui renda no município, e que por isso é a porta de saída para programas assistencialistas que geram preguiça e marasmo em qualquer parte do planeta. Com isto, já será forte candidato ao Prêmio "Prefeito Empreendedor" do SEBRAE.
Podem debitar no imponderável, ou na conta de São Pedro, a variável que define se vai ou se para tudo: CHUVA.

Os números da mandioca:
5 metros cúbicos de maniva é a média de consumo/ha
1,5 hectare de terra arada para cada pequeno produtor
3 mil produtores devem ser beneficiados
20 cm é o tamanho adequado de cada maniva
6 gemas por maniva é o ideal
2 centímetros deve ser o diâmetro mínimo da maniva
12 meses deve ser a idade da planta para colher a maniva
2.500 a 3.000 manivas é o que rende 1 metro cúbico
72 milhões de pés de mandioca é o que Alexandre Arraes deve ajudar a plantar para recomeçar a mandiocultura quase do zero em Araripina.

Em moeda legal e corrente no Brasil, somente o próprio Alexandre Arraes tem as 'contas do sabido' ou projeções feitas.

CUIDADOS FITOSANITÁRIOS
Antes de qualquer coisa, a prefeitura de Araripina, em parceria com o governo do estado, precisa destacar técnicos experientes para vistoriar as lavouras e contratar mão-de-obra braçal para arrancar as partes aéreas de plantas que apresentem sinais de doença nos mandiocais que serão adquiridos em Alagoas e em outros estados. Assim, reduz-se bastante o risco de trazer para o município maniva de plantas doentes.